Meus cinco minutos de fama.

Depois de tanto dizerem que eu escrevia coisas engraçadas, eu achei que eu podia realmente ser engraçada e fui tentar minha vida num circo palco à lá stand up comedy. Escrevi um texto, combinei com um grupo de Campinas (Limão com gelo) e fui.
Fiz o texto em um fim de semana, não fiquei relendo, eu realmente conhecia o que eu tinha escrito.
Nenhuma das minhas amigas quiseram ir, uma porque era caro, outra porque tinha aula, outra porque não tinha com quem ir. Foi meu namorado, o chefe e um amigo dos dois.
A casa não encheu, mas também ficou longe de estar vazia. Eu era a ‘open mic’ da noite. Isso quer dizer que eu era uma pessoa sem experiência no assunto, porém corajosa, que ia subir no palco e tentaria ser engraçada.
Chegou a minha vez, o ‘mestre de cerimônia’ (chique, né?) da noite me chamou, e eu entrei travada. Eu não sabia o que fazer com as mãos, porque afinal, só uma segurava o microfone. Eu olhava pras pessoas e elas riam, mas tinha um gordo, que na vez dos outros ria gostoso das piadas mais sem graça possível, e eu não ouvia a risada dele enquanto eu falava, em momento nenhum. Isso me deixou preocupada.
Parecia que o tempo voava, que as outras pessoas tinham falado durante 20 minutos e que meu texto de 5, tinha durado 4.
Acabou, eu sai tremendo e suando. O gordo era o próximo a se apresentar, por isso que eu não o encontrava na platéia, ele já estava nos bastidores, então, eu não tinha como ouvir a risada dele.
Já fora do palco, vieram me elogiar, que minha voz tinha saído clara e que eu tinha conseguido ser engraçada. Meus amigos, claro que disseram que haviam gostado, até porque eles estavam lá para isso. No fim da noite, uma psicóloga ainda veio conversar comigo sobre o que eu tinha falado!
Enfim, eu queria fazer denovo, só pra ver se eu melhorava. Se sim, eu seguia carreira, se não, eu ficava só com o blog mesmo. Porque pelo menos assim, se as pessoas realmente riem ou não, eu também não tenho como ouvir.

Obs: Sim, minha apresentação foi filmada por um celular, e não, não vai parar no youtube.
Eu posto o texto aqui. Um dia.

Anúncios

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s